CORPO EDITORIAL

  • Editor-chefe

André Luiz Alvim. Enfermeiro. Doutorando em Enfermagem pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Enfermagem pela UFMG. MBA Auditoria e Gestão da Qualidade aplicada à Serviços de Saúde. Especialista em Controle de Infecções Hospitalar. Graduado em Enfermagem pelo Centro Universitário UNA. Atuou como enfermeiro supervisor do Serviço de Controle de Infecção do Hospital ULC. Professor do Centro Universitário UNA (Graduação) e Faculdade Pitágoras (MBA Gestão em Saúde com ênfase em Centro Cirúrgico e Centro de Material e Esterilização). Belo Horizonte - Minas Gerais. Brasil.

  • Vice presidente editorial e revisora internacional

Rafaela Oliveira França. Atua como Enfermeira em Dublin, Irlanda. Member of the International Engagement Comittee - Infection Prevention Society (Reino Unido e Irlanda). Mestre em Microbiologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Especialista em Vigilância e Controle de Infecções e Microbiologia (UFMG). 

  • Coordenadora de pesquisas e revisora geral

Karinne Ferreira de Souza. Enfermeira, Mestre em Administração pela FEAD/MG. Pós-graduada em Gestão Estratégica (MBA) e Infecção Hospitalar. Experiência como docente em curso de graduação em enfermagem nas disciplinas de Centro Cirúrgico, Enfermagem em Central de Material Esterilizado, Saúde do Idoso, Gerência de Sistemas e Serviços de Saúde, Enfermagem e Ciências, Gestão em Saúde, Gerenciamento do Cuidado em Saúde, Metodologia Científica, Trabalho de Conclusão de Curso e Estágio Supervisionado (Centro Cirúrgico, Clínica Médica, Clínica Cirúrgica e Central de Material Esterilizado). Belo Horizonte, Minas Gerais. Brasil.

  • Corpo editorial (revisores e pareceristas de artigos)

Bruno Gonçalves Silva. Enfermeiro. Doutorando em Tecnologia da Informação e Gestão do Conhecimento pela FUMEC. Mestre em Administração de Empresas pelo Centro Universitário UNA, Especialista em Cuidados Paliativos pela FCMMG. Especialista em Gestão e Organização em Saúde Pública pela UFJF. Especialista em Terapia Intensiva Adulto pela PUC Minas e Neonatal / Pediátrica pela Santa Casa de Belo Horizonte. Tem experiência em Educação Continuada, Pronto Atendimento, Terapia Intensiva, Imunização Humana, Transporte de Paciente Crítico terrestre e aeromédico. Docência das áreas de Urgência, Emergência, Terapia Intensiva, Semiologia e Saúde do Adulto.

Carlos Gabriel Brito. Enfermeiro, Mestre em Desenvolvimento Regional pela Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG) com linha de pesquisa: Inovação e Desenvolvimento Regional. Pós-graduado em urgência, emergência e APH e em curso da pós em terapia intensiva adulto. Tem experiência nas áreas de Enfermagem Intensivista, Emergencista e APH. Áreas de conhecimento: metodologia, desenvolvimento pessoal, terapia intensiva, urgência e emergência e educação permanente em enfermagem. Belo Horizonte, Minas Gerais. Brasil.

Éder Júlio Rocha de Almeida. Enfermeiro, Mestre em tecnologia da informação aplicada a biologia computacional (Promove/Fiocruz). MBA gestão de projetos (Pitágoras). Tem experiência assistencial em oncologia, quimioterapia, terapia intensiva, centro cirúrgico e obstétrico. Atua como docente no Instituto Técnico meta e qualidade e educação permanente na Faculdade e Hospital Ciências Médicas, sendo responsável pelos processos de certificação e treinamentos de desenvolvimento dos gestores e colaboradores. 

Jessica Stephanie Kloh. Bióloga, Doutoranda pela Universidade Federal de Minas Gerais. Mestre em Biologia de Vertebrados. Graduação em Ciências biológicas Licenciatura e Bacharel em Gestão ambiental pela PUC Minas. Tem experiência na área de educação e pesquisa, ecologia de anfíbio, consultorias ambientais e biologia geral. Contagem, Minas Gerais. Brasil.

Lucas Alves. Graduado em Farmácia Generalista pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ). Mestre em Ciências Farmacêuticas pela UFSJ. Doutor em Fisiologia e Farmacologia no Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas/Fisiologia e Farmacologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Atualmente é pesquisador da Universidade. Tem experiência na área de Farmácia, com ênfase em Fisiologia e Bioquímica Clínica, atuando principalmente nos seguintes temas: Doença Renal Crônica, Fisiologia Cardiovascular , Farmacologia Cardiovascular, Aterosclerose e Inflamação. Participa da produção científica dos laboratórios. Têm experiência como professor nas disciplinas de Fisiologia, Farmacologia, Anatomia, Farmacotécnica, Saúde Pública, Hematologia, Bioquímica, Genética, Microbiologia Ambiental, Imunologia e Embriologia. Têm experiência com diagnóstico e Laboratório de Análises Clínicas nos setores de Hematologia e Bioquímica Clínica.

Marcus Luciano de Oliveira Tavares. Enfermeiro, Doutorando em Saúde e Enfermagem pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Saúde e Enfermagem na linha de pesquisa "Promoção da Saúde, Prevenção e Controle de Agravos" (UFMG). Graduado pela Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais (2015). Pesquisador nas áreas de Saúde Pública, Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), Saúde do Idoso e Dependência Química. Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisa Saúde Mental, Álcool e outras Drogas. Membro do Núcleo de Estudos e Pesquisa em Atenção Primária à Saúde (NEAPS). 

Maria Clara Neves Santana de Brito. Pós-graduação em Estética e Saúde e Atendimento Integral ao Portador de Lesão Cutânea. Graduada pelo Centro Universitário UNA. Atua como docente no Instituto Cotemar. Responsável técnica pela empresa Viver Soluções Integradas em Saúde. Enfermeira do Hospital Santa Lúcia. Experiência em Terapia Intensiva, Unidade de Internação, Maternidade e Cuidados ao RN. Belo Horizonte, Minas Gerais. Brasil.

Renan Sallazar Ferreira Pereira. Enfermeiro. Doutorando em Enfermagem pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Enfermagem pela Universidade Guarulhos (UNG). MBA em Gestão de Pessoas (2016), Gestão Hospitalar e de Pessoas (2016); Segurança do Trabalho e Gestão Ambiental (2017); Ergonomia (2011); Saúde Pública (2010); Enfermagem do Trabalho (2009). Fez um Aprimoramento Profissional na Universidade Federal de Viçosa (UFV), na área de Saúde do Idoso, no Departamento de Nutrição e Saúde. Graduado em Enfermagem pela Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde/Univiçosa (2008). É professor efetivo na Universidade Federal do Tocantins (UFT). Tem experiência na área de Enfermagem, atuando como docente e pesquisador nos seguintes temas: Saúde do trabalhador, Doenças Crônicas Não-Transmissíveis, Risco Cardiovascular. É membro pesquisador no Grupo de Estudo e Pesquisa em Saúde com Populações em Situação de Vulnerabilidade na Amazônia (GPSVAM) e Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa em Enfermagem e Saúde (NIPES), na Universidade Federal do Amazonas. É professor efetivo na Universidade Federal do Tocantins.

Renata Lacerda Prata Rocha. Enfermeira. Mestre em Enfermagem pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009). Especialização em Enfermagem do Trabalho pela Faculdade São Camilo (2001) e Especialização em Saúde da Família, pela UFMG (2003). Atualmente é docente do Centro Universitário UNA, e coordena o curso de graduação em Enfermagem na FAMINAS-BH. Tem experiência na área de Enfermagem, atuando principalmente nos seguintes temas: pesquisa em enfermagem, saúde coletiva e saúde pública, programa saúde da família e enfermagem do trabalho. 

Renato Rodrigues da Silva. Gestor de Serviços de Saúde, Mestre em Gestão de Serviços de Saúde (UFMG). Especialista em Gestão de Pessoas (PUC Minas), em Gestão Estratégica de Projetos (Centro Universitário UNA) e em Gestão de Redes de Atenção à Saúde (Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca - Fiocruz). Profissional certificado em Compliance (Instituto ARC - São Paulo). Experiência em gestão pública com planejamento, orçamento e gestão de projetos, melhoria de processos e controle social. Na saúde suplementar atua com governança, ouvidoria, compliance e gestão de riscos. Vivência como docente em curso de graduação (Universidade Federal de Minas Gerais) e pós-graduação (PUC Minas, Santa Casa de Belo Horizonte e Fundação Pedro Leopoldo). Belo Horizonte - Minas Gerais. Brasil.

Wictória Aparecida de Oliveira. Enfermeira. Pós-graduação em Auditoria e Gestão Da Qualidade aplicada à Serviços de Saúde. Graduação em Enfermagem pelo Centro Universitário UNA de Belo Horizonte. Tem experiência nas áreas de prevenção e controle de agravos na atenção primária e Unidade de Internação no Hospital Meridional. Vitória, Espírito Santo. Brasil.

DOI: 10.26544   

Editor chefe: André Luiz Alvim